© 2017 por É-Du-Dente Lda. Criado em Wix.com

NÓS, A DIABETES E OS DENTES.

Portugal é um dos países com maior prevalência de diabetes de toda a Europa estimando-se que existe cerca de 1 milhão de diabéticos, entre os 20 e os 79 anos.

A Diabetes é uma doença crônica e silenciosa, que pode ser caracterizada por um excesso de açúcar (glucose) no sangue.

Apesar de silenciosa existe pequenos sintomas que nos podem levar a ter a pulga  atrás da orelha e procurar fazer análises ou consultar o médico de família.

 

Se anda com uma necessidade frequente de urinar, muita sede e bastante fome, então está na hora de tocar a sirene de alerta e querer saber o que se passa!

 

 

Sabe-se que pessoas sedentárias, com distúrbios de peso (obesidade), tensão arterial alta, colesterol ou triglicerídeos têm uma maior probabilidade de vir a sofrer de diabetes e com a diabetes não se deve brincar, pois é uma doença que se não for devidamente acompanhada e controlada, poderá mesmo levar à morte.

 

Muitos de nós já ouviram falar que a diabetes pode trazer várias consequências, entre elas o aumento do risco de contrair doenças cardiovasculares, AVC, doenças nos rins, cegueira, etc... Mas para além de todas estas complicações tão conhecidas de todos nós, existe outras, pouco conhecidas tais como “doenças das gengivas” e consequentemente a perda de dentes.

 

Pessoas com diabetes têm as suas defesas mais em baixo e desta forma uma maior probabilidade de desenvolver várias doenças  na cavidade oral, em especial nas gengivas.

 

Em qualquer infecção existe um aumento natural dos níveis de açúcar no sangue e se temos diabetes uma infeção irá poderá certamente levar a um agravamento da doença.  A boca é o sítio do nosso corpo com o maior número de bactérias, umas boas e outras menos boas e na presença de um desequilíbrio pode surgir rapidamente uma infeção nas gengivas ou nos tecidos que circundam o dente.

 

Desta forma é ainda mais importante que uma pessoa que sofra com diabetes consulte com regularidade o seu Médico Dentista. Ele poderá ajudar a cuidar da sua “porta de entrada” para o organismo e colaborar não só o médico, mas principalmente  com quem sofre de diabetes a controlar a sua doença.

 

Como profissional de saúde o meu melhor conselho é que esteja atento ao seu corpo, oiça o que ele diz e cuide de si. Lave os dentes regularmente, pratique desporto ou qualquer atividade física, faça uma alimentação saudável e consulte os seus médicos regulamente. Não deixe que a diabetes tome conta de si, afinal somos Alentejanos e com o pessoal do Alentejo não se brinca.

 

Um bem Haja!

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

NÓS, A DIABETES E OS DENTES.

May 6, 2017

1/1
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags
Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle